Depoimento para a posteridade - Hildegard Angel

  • 19/07/2021

Depoimento para a posteridade - Hildegard Angel

Dia 19/07, o Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro grava com a jornalista Hildegard Angel o seu Depoimento para a Posteridade, no formato on-line, devido a pandemia da Covid-19.

Hildegard Angel é uma das mais respeitadas jornalistas do Rio de Janeiro. Foi colunista no jornal O Globo durante 30 anos,e assinou por mais de uma década a primeira coluna de TV do jornal. Reconhecida como grande inovadora do colunismo social brasileiro,criou e editou no Jornal do Brasil, o Caderno H. Desde1993, quando fundou o Instituto Zuzu Angel, é uma grande defensora da moda brasileira. Trabalhou nas principais publicações das grandes editoras brasileiras e em veículos internacionais. Hilde mantém um blog próprio, onde escreve sobre a sociedade carioca e a política nacional.

“Hildegard é uma personalidade importante para a cultura brasileira, com uma trajetória de vanguarda no jornalismo, testemunhou a história e as transformaçõesda sociedade nas últimas décadas, sempre com sagacidade e verdade, para o MIS é uma satisfação e honra registrar o seu depoimento”,ressaltou o presidente do MIS RJ, Cesar Miranda Ribeiro.

Para evitar aglomeração e respeitar a integridade de todos,a série Depoimentos para a Posteridade será gravada dia 19 de julho de 2021(segunda-feira), sem a presença do público, com a depoente Hildegard Angel noMuseu da Imagem e do Som , sede da Lapa,e a participação dos convidados, Carlos Alberto Serpa (presidente da Fundação Cesgranrio, diretor da Casa de Arte e Cultura Julieta de Serpa, presidente da Academia Brasileira de Educação e da Academia Brasileira de Cultura), e Douglas Fasolato (coordenador de museus da Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado Rio de Janeiro e diretor da Casa da Marquesa de Santos), remotamente de seus computadores.

Sobre a série Depoimentos para a Posteridade:

Em 1966, o Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro, inaugurou o projeto Depoimentos para a Posteridade, inédito programa de história oral criado para preservar a memória de diversos setores da cultura nacional, tais como a música, a literatura, o cinema e as artes plásticas. Atualmente conta com um acervo de mais de mildepoimentos, de figuras notáveis, como Pixinguinha, Dorival Caymmi, Nelson Rodrigues, Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Fernanda Montenegro, Barbosa Lima Sobrinho, Zuenir Ventura, Ruy Castro, Carlos Heitor Cony, entre outros. Vale lembrar que a gravação fica à disposição do público, nas salas de consulta do MIS, 48 horas depois do término da entrevista.

Publicado em 15/07/21 por Márcia Benazzi


#Compartilhe

Aplicativos


Programa no Ar

Pérolas do MIS

top1
1. São João Há de Sorrir

Zezé Fonseca

top2
2. A Cigarra e a Formiga

Ísis de Oliveira

top3
3. No Tabuleiro da Baiana

Ismênia dos Santos

top4
4. Seu Criado, Obrigado

Daisy Lúdici

top5
5. Solidão

Olga Nobre

Oferecimento